O Portal em movimento

O Portal em movimento

Rua Digna chega a bairro que aguardou obra por mais de 15 anos em São Luís

Com o avanço das obras no bairro, o cenário na localidade já se redesenha

Presidente do Centro Comunitário da Radional e Adjacência, Neusa Elina Silva de Jesus (Fotos: Jeferson Stader)

“Nós estávamos lutando por essa obra há muito tempo. Isso foi uma conquista, através da associação. Ficamos sabendo da possibilidade, e pegamos com todas as garras, porque para nós era algo inalcançável”. Esse é o resumo que a moradora Dirma Mesquita Sousa faz da chegada do Programa Rua Digna à Rua Dois, no Residencial Apaco, em São Luís.

“Se a população tivesse conhecimento de como era isso aqui, iria entender a conquista. Isso aqui é um sonho. Lutamos por esgoto, pela colocação de luz e pelo asfaltamento, e graças a Deus já temos tudo”, acrescenta Dirma, que conta que a espera foi de mais de 15 anos.

O Rua Digna é um programa do Governo do Estado para melhorar vias que nunca receberam intervenção. Duas das quatro vias contempladas com obras no Residencial Apaco já foram concluídas.

“A Rua Um e a Rua Dois estão totalmente transitáveis e limpas. Estamos terminando a Rua Três e em seguida vamos concluir a Travessa César Viana”, diz a presidente do Centro Comunitário da Radional e Adjacência, Neusa Elina Silva de Jesus.

A representante dos moradores relata que a obra foi conquistada por meio de uma reunião com a Secretaria de Estado de Trabalho (Setres), após a inscrição do projeto que seguia as normas do edital do Programa Rua Digna.

“Nós atendemos o critério do edital e agora estamos executando. Era de grande necessidade que esses moradores recebessem esse benefício, porque o asfalto nunca havia chegado até essas ruas da comunidade. Eu quero de imediato agradecer ao Governo por essa realização”, relata Neusa.

Mais trabalho
Com o avanço das obras no bairro, o cenário na localidade já se redesenha. Além disso, muitos moradores aproveitaram para garantir o sustento da família, ao contribuir com a execução das intervenções.

“Essa obra chegou trazendo muito benefícios, pois, como se pode ver, as ruas estão totalmente transitáveis. E por outro lado chegou trazendo uma ocupação para muita gente que estava desempregada, como eu. Agora estamos com ruas bonitas e um dinheirinho no bolso”, conta Herbeth Rodrigues Sousa, morador e trabalhador no Rua Digna.

Uma das mulheres que trabalham na obra é a moradora da Rua Dois Marilene Conceição Gonçalves: “Eu estava precisando, passei um tempo desempregada, e essa obra chegou com toda a força na nossa comunidade. Trouxe uma estrutura de bairro melhor e oportunidade de a gente conseguir ganhar um dinheiro nesse tempo de crise econômica”.

O Rua Digna
O programa foi disponibilizado para organizações da sociedade civil localizadas dentro da região metropolitana (São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa) e para os 30 municípios do Mais IDH. Com a inspeção de técnicos do Mutirão Rua Digna, o prazo máximo para execução é de 90 dias e o de prestação de contas é de 60 dias após o recebimento do recurso.

O calçamento das ruas está sendo feito com bloquetes intertravados, preferencialmente produzidos pelos apenados do Complexo Penitenciário São Luís. As associações ou sindicatos também são orientados a obter material de construção dos fornecedores da própria comunidade, a fim de gerar renda para o comércio local.

Nos siga no Google Notícias

Comentários

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

Sicoob Centroleste chega no centro da capital do Estado do Maranhão

Com a presença dos novos associados, membros dos conselhos de administração e fiscal, diretores da cooperativa, funcionários, entidades de...
- PUBLICIDADE -