Indígenas morrem após colidir com caminhão pipa na BR-226, próximo à Aldeia Coquinho

0
1065

Na manhã desta quarta-feira (14) uma criança e um adulto indígena morreram após colidir com um caminhão pipa, no quilômetro 355 da BR-226, na Aldeia Coquinho, entre Grajaú e Jenipapo dos Vieiras. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) as vítimas seriam pai e filho, uma criança de seis anos e o homem teria 29.

Conforme apurou o Grajaú de Fato, o motorista do caminhão teria dado uma marcha à ré e o indígena que estava numa motocicleta com a criança não viu que o caminhão pipa estava na rodovia e acabou colidindo no carro. Eles morreram instantaneamente.

O motorista foi identificado como Antônio José Lopes da Silva, que fugiu do local sem prestar socorro. Um grupo de indígenas, em protesto pela falta de segurança no local, chegou a interditar a rodovia federal totalmente, que foi liberada depois.

No início da tarde, alguns indígenas revoltadas furaram pneus e quebraram os vidros do caminhão; ainda ameaçaram de atear fogo no veículo.

Atenção! Imagens muito fortes e proibida para menores de 18 anos; sem censura. Clique aqui