A grajauense Luciléia de Jesus Ferreira da Silveira (conhecida de todos por Lucinha) de 46 anos, que sobreviveu ao trágico acidente na Av. Marechal Castelo Branco, Zona Norte de Teresina, na noite da última quinta-feira (18), segue internada em estado grave na sala vermelha do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), e está precisando de doação de sangue com urgência.

“Gente minha mãe está precisando de muito sangue; conseguimos duas bolsas hoje, mais não foi suficiente; o tipo é ‘B negativo’ (B-); se alguém puder doar, ou tiver conhecidos aqui em Teresina, podem encaminhar para o Hemopi…”, pediu a filha Amanda Silveira pelo aplicativo de mensagem Whatsapp no final da tarde deste domingo (21).

(Foto: Reprodução/Whatsapp)
(Foto: Reprodução/Whatsapp)

As doações podem ser feitas no Hemopi, situado na Rua 1º de maio, 235/sul, centro, Teresina-PI. Para doar a pessoa precisar apresentar documento oficial com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional), estar saudável e alimentado, ter entre 16 e 69 anos (menor de 18 anos apresentar Termo de Consentimento assinado pelo responsável legal), e pesar a partir de 50 Kg.

Lucinha passou por intervenção cirúrgica na sexta-feira (19), já tomou duas bolsas de sangue e precisa de mais oito. Aos doadores compatíveis a família agradece a generosidade. Além de pagas todas as despesas em Teresina. Mais informações podem falar com Amanda Silveira pelo WhatsApp (99) 98145-1647.

Sobre doação de sangue no Hemopi; Saiba mais

hemopi-teresina

Conheça sua tipagem sanguínea; qual o sangue que você pode receber e doar

tabela-tipagem-sanguinea