Mercado Livre do Produtor da Ceasa abrirá também às sextas-feiras

A partir do dia 18, comerciantes terão três dias para comprar no atacado

0
666

A partir do dia 18, o Mercado Livre do Produtor, conhecido como pedra ou feira, da Central de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa), abrirá também às sextas-feiras, reivindicação antiga de compradores e vendedores. O comércio instalado no Pavilhão B-8 já funciona às segundas e quintas para a venda direta de produtores para comerciantes. As atividades no varejo continuam apenas aos sábados.

De acordo com a Ceasa, duas pesquisas com compradores e produtores – principalmente da agricultura familiar e de hortifrutigranjeiros – identificaram que a maior parte pedia para aumentar os dias de venda. “Faremos novas pesquisas e em 2016 o Mercado Livre do Produtor deverá abrir quatro vezes na semana”, adianta o diretor técnico-operacional da empresa pública, Everaldo Firmino. Segundo ele, a novidade atende a uma grande demanda de atacadistas, proprietários de supermercados e de restaurantes que compram diretamente de quem produz. Além disso, desafogará o atendimento na segunda e na quinta-feira.

O mercado do produtor funcionará nos três dias, das 5 às 14 horas. Segundo a Ceasa, a estratégia é incentivar os produtores cativos, que já trabalham às segundas e quintas, e dar abertura para novos produtores da agricultura familiar nas sextas-feiras. A expectativa é abrir 100 novas vagas de produtores em um primeiro momento e que 700 comerciantes trabalhem em cada dia.

Interessados em se cadastrar para vender no Mercado Livre do Produtor devem procurar a sede, no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Trecho 10, Lote 5. Mais informações pelo telefone 3363-1209.

Números

A Centrais de Abastecimento do Distrito Federal tem 14 pavilhões para a distribuição de alimentos. São 164 empresas trabalhando de segunda a sábado, com movimento diário em torno de 22 mil toneladas.