Na manhã do dia 9 de março, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STTR) de Grajaú homenageou suas afiliadas com um café da manhã na sede do sindicato.

“Pela primeira vez eu estou vendo uma homenagem como essa na sede do sindicato; para nós mulheres, significa muito, nos ajuda a quebrar as barreiras do preconceito que já estamos vencendo, antes não tínhamos esse privilegio de ser homenageada pelos homens.”, comentou Joana D’Arque Pereira Chaves do Povoado Alto Brasil, filiada ao sindicato desde 2001.

Para Marcos Moreira, presidente provisório do STTR de Grajaú o oito de março representa a luta pela igualdade, respeito e saúde das mulheres “Esta data mantem viva a historia do movimento sindical e das mulheres no nosso país; a luta de Margarida Alves que foi morta numa grande fabrica de tecelagem junto com muitas companheiras continua expirando a luta no coração de cada mulher”.

Moreira disse que o movimento sindical trabalha em defesa do bem estar da mulher; destacou a saúde da mulher do campo, os direitos e deveres quanto à aposentadoria, salário materno, salário reclusão, entre outros benefícios garantidos as mulheres “Incentivamos também a luta pela reforma agraria, direitos políticos e igualdades em relação às mulheres, especialmente o combate da violência contra mulher”.

STTR de Grajaú hoje
A menos de 40 dias, a Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura do Estado do Maranhão (FETAEMA) interveio na direção do sindicato, e instalou uma diretoria provisória devido a perca de prazos na realização das eleições gerais da instituição no município. “Quando se perde o prazo, federativamente a FETAEMA se intervê, e dar início o processo de reorganização do sindicato, isso faz parte das regras e normas previstas nos estatutos da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (CONTAG), da FETAEMA e do sindicato de cada município”, explicou.

Hoje 214 o maranhão possuí 214 sindicatos associados a FETAEMA.

Comentários

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.